Dia do Pai - Data Festiva

Conquistador Grand Prix Automatic

Jaeger-LeCoultre Master Ultra Thin Perpetual no pulso de Steve Carell

P6360 Flat Six Automatic Chronograph

Silverstone Calibre 11

BIC

BIC

CristalStylusPreto

BIC

BIC

Gama BIC

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Birdwatching Ouro e Diamantes

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Jogo de Ténis Prata e Madeira

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Memória de Primavera Filigrana em Prata

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Pai de Felicidade Ouro Branco, Rubis e Esmeraldas

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Uma Tarde no Jardim Zoológico Prata

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Botões de Punho Um dia de Praia na Arrábida Prata

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Charuteira Guarda Charutos Prata

MARIA JOÃO BAHIA

MARIA JOÃO BAHIA

Porta-Cartões Porta Tesouros Prata

Fragance Legacy

Fragance Legacy

Montblanc Legend Spirit

Montblanc Legend Spirit

Bentley Infinite

Bentley Infinite

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

TonyMiranda

Em princípio todos nós nascemos de um acto de amor entre os nossos pais. Dispensando as ciências, o esperma e a ovulação, vou apenas recordar o meu pai porque o dia da mãe que foi e é para mim a 8 de Dezembro, será festejada pelas grandes maiorias, em Maio, deste ano.

 

O Dia do Pai, data coincidente com o Dia de S. José, o pai de Jesus, é comemorado no próximo dia 19 de Março.

 

Já escrevi quilómetros de letras e nunca dediquei umas palavras ao meu querido pai, um homem de quem me orgulho de ser filha, um português que vivendo em Espanha nunca falou “espanholês”. O meu pai foi um homem alto e eu definia-o como 1,92 mts. de bondade.

 

Já desisti de entender o que o levou a ir para Espanha numa época tão dura. Teve uma namorada que foi sua colega deixando este mundo muito nova e lançando-o numa tristeza profunda.

 

Terá sido o desgosto que o levou para longe? Não era assunto para falarmos. Um dia estive com ele na Ponta da Piedade, (Lagos) já eu era casada e o meu pai comoveu-se e vi lágrimas brilharem-lhe nos olhos. Ainda indaguei a causa, mas a resposta foi: “são recordações de um tempo com muito tempo”. Optei pelo meu silêncio. Pôs-me a mão direita no ombro num gesto de ternura…

 

O que eu sei, é que não cresci junto dele nem da minha mãe porque nasci dois anos depois da Guerra Civil e, em Espanha, havia muita fome, muita falta dos bens essenciais. Por isso, vim viver com a minha avó e tios. Graças a Deus nunca me faltou nada. Todas as minhas tias me mimavam muito e tudo o que surgisse na moda me era oferecido.

 

Na idade escolar comecei os estudos em Portugal e o meu vício de estudar é tão grande, que raro é o dia em que não estudo, em especial o que diz respeito ao nosso país. E continuo a achar que me falta estudar muito.

 

Em criança e na minha juventude ia com alguma frequência a Espanha para ver a família e acima de tudo, em certa fase, para levar os alimentos que ali eram necessários. O meu pai nunca deixou de usar sapatos, numa terra onde até os médicos calçavam alparcatas.

 

 As procissões da Nossa Senhora das Angústias, que eram acompanhadas por Oficiais da Marinha de Guerra e marinheiros, tão pobremente fardados, dava para entender o estado daquela nação que ficou sem as suas reservas de ouro que os comunistas deram à Rússia para guardar. Para guardar, até hoje! A minha tia Carmen, que eu adorava, passou pelo desgosto de lhe morrer o marido na prisão e dois filhos fuzilados. Creio que era esse ambiente de mágoa que prendeu o meu pai a Espanha. Cresci sem ele, mas o abraço que me dava quando o barco chegava ao cais da fronteira de Ayamonte compensava a falta que diariamente sentia.

 

Meu querido pai! Era das poucas pessoas que tinha um automóvel e parava num conhecido, que já nem sei quem era, para guardar uns chouriços e parte do café que eu levava para repartir com os seus trabalhadores sem a minha mãe se aperceber.

Não quero dizer com isto que a minha mãe era má pessoa. Era diferente. Não via a vida pelo mesmo ângulo.

 

Vim estudar para Lisboa e casei muito cedo o que me levou cada vez mais ao afastamento do meu pai. Quanto lamento.

 

Na actualidade, que já escrevi muitas vezes sobre o Dia do Pai, penso com mágoa que nunca festejei o dia do homem que com certeza, com muito amor, em união perfeita com a minha mãe, devo o facto de estar aqui e de ser, em parte, a mulher que sou, com a brandura paterna e a força anímica materna.

 

É de sublinhar que quando eu era jovem estas datas festivas não existiam. Ninguém festejava o Dia do Pai nem o Dia dos Namorados.

 

Quando eu era criança apenas se festejava o Dia da Mãe, na pessoa da minha adorada avó que foi a mamã que me criou a partir dos dois anos, até andar a caminho de outros passos que, só em, Lisboa poderia dar. O Algarve não tinha nenhuma Universidade. O mais que se podia estudar ali era para professora primária - uma actividade que não se enquadrava nas minhas ambições.

 

Ainda gostava de saber porque é que o papá me beijava e abraçava a chorar… Lembro-me que ficava sem perceber.

 

O papá está, de certeza, no céu a pedir a Jesus (el Señor del Gran Poder) por esta sua filha. Esta mesma filha que lhe telefonava a lamentar-se de qualquer problema que tinha surgido e que ouvia do outro lado a sua voz a dizer: “vou já rezar (al Senõr del Gran Poder)”. Aquele que nós chamamos o Senhor Jesus dos Passos.

 

Pouco depois soava o telefone e era o papá para saber se as suas orações tinham sido ouvidas… E não é que tinham sido mesmo escutadas? Grande pai em altura, inteligência e bom coração.

 

Caros leitores, desculpem o meu atrevimento, mas o meu pai foi um grande homem, de uma honradez que faz cada vez mais falta. Eu já começo a duvidar dos homens de boa vontade… e, por isso, nesta singela homenagem, envolvo os vossos pais, na esperança de que o mundo seja amanhã muito melhor. S. José, que foi Pai de Jesus, poderá dar uma ajuda.

 

 

 

Presentes para o Dia do Pai

A ternura que se tem por um pai que se respeita e que se ama leva-nos a desejar dar-lhe um, dois, três ou quatro presentes. A verba que se pode ou não gastar conta para a escolha. A nossa opção vai para as propostas do Tony Miranda, o melhor alfaiate do mundo, o grande costureiro de roupa feminina que vimos desfilar várias vezes na Semana da Alta-Costura em Paris, no Hotel Intercontinental, o mesmo onde Yves Saint Laurent, Lacroix e muitos outros, apresentavam as suas colecções.

Escolhemos o Tony Miranda porque é nosso e também porque foi e é um pai de excelência. Independentemente de ser muito sua amiga, aproveito esta ocasião para o homenagear como pai.

 

Nesse contexto, de bons progenitores, escolhi também as jóias da Maria João Bahia, pela forma como educa os seus filhos e porque tem um pai tão maravilhoso e tão artista como o meu.

 

Deixando o espaço português sugiro a oferta de um vale para a partir de 4 de Abril poder comprar a nova fragrância masculina que vai ter o nome Mr. Burberry, mas que por compromissos oficiais não podemos dizer mais nada a não ser que é uma Eau de Toilette sensual amadeirada que combina aromas clássicos da perfumaria britânica com ingredientes inesperados.

 

Dentro das novidades dos perfumantes, a nossa sugestão recai no MONT BLANC LEGEND Spirit, uma água de toilette que deixa um rasto de requinte à passagem de o homem que a usa. E, vejam as imagens de muitos aromas que farão o seu pai sentir-se todos os dias mais jovem e viril.

 

Depois, para as bolsas mais modestas, ficam algumas sugestões da BIC. Bic Cristal, isqueiros, e outros objectos úteis.

 

 

 

Marionela Gusmão

FESTIVOS

Dia da Mãe

Natal

Páscoa

Dia do Pai

Santo António

ARTE

Exposições

Museus

Colecções

História

Notícias

MODA

Alta Costura

Prêt a Porter

Tendências

Acessórios

Notícias

BELEZA

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

NOTÍCIAS

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon