Estilo Andrógino ou Moda de Executivas

Escrevemos sobre História de Moda do Vestuário há mais anos do que da moda que desce às ruas em cada temporada e nunca nos pareceu que estas retóricas da igualdade de género, que tanto agradam às lésbicas e aos homossexuais, tivessem alguma importância na escolha do vestuário das executivas.

Se executiva é uma mulher que está à frente das suas empresas nesta revista a directora e a gerente nunca sentiu que isso tivesse o que quer que fosse com a igualdade de género.

Paira no ar a onda da androginia que para nós pode ser definida como o equilíbrio de características femininas e masculinas e não mais do que isso.

As calças “à homem” foram usadas por mulheres de vanguarda desde o séc. XIX. Nos Anos 40 do séc. XX, muitas raparigas envergaram o fato inteiro, chamado “fato de macaco” para participar em tarefas habitualmente feitas por homens. Mas, nos Anos 70 quando as propostas dos estilistas significaram “vestir à não moda”, surgiram as calças femininas ditas “pata larga” seguidas da moda hippy, da moda cigana e do “nude-look” onde as calças remetiam os mais sisudos para o mundo dos haréns.

De Inverno e de Verão, as calças não mais desapareceram do vestuário feminino.

Yves Saint Laurent criou o smoking que continua a fazer furor e a emprestar o chique às mulheres que sabem enfrentar as cronistas da vida social, porque são mulheres seguras do seu charme e que sabem vestir com elegância sem perderem a sua feminilidade.

Mas, a moda desta temporada refere-se muitas vezes à androginia e, propositadamente tivemos o trabalho de escutar a canção de Garbage, cujo refrão passamos a transcrever, para percebermos que tudo descodificado é igual a zero. Não são os roupeiros ou os quartos de vestir que fazem a cabeça dos homens ou das mulheres… 

Boys

Boys in the girl’s room

 

Girls

Girl´s in the men room

 

You free your mind in your androgyny

 

Boys

Boys in the parlour

 

Girls They’re getting harder

I’it free mind in your androgyny

 

Tal como se pode ver na selecção que fizémos dos conjuntos casaco/calça, as cores são variadas. A moda Andrógina aconselha mais o cinzento e o preto. Não fomos por aí pois incluímos cores vivas.

Há quem, com essas ideias da androginia, aconselhe as mulheres a comprimir os seios. Connosco não contem com o aconselhamento ao uso do “binder”.

Caras leitoras sejam femininas. Não se esqueçam do baton e do blush. Deixem as sobrancelhas crescerem e dêem-lhes vida com a aplicação de “rimmel”. Adornem-se com bijutarias ou jóias (depende da bolsa), usem malas, sapatos e luvas.

Ser mulher é sinónimo de mãe. Existe alguma coisa mais nobre e bonita?

 

Marionela Gusmão

FESTIVOS

Dia da Mãe

Natal

Páscoa

Dia do Pai

Santo António

ARTE

Exposições

Museus

Colecções

História

Notícias

MODA

Alta Costura

Prêt a Porter

Tendências

Acessórios

Notícias

BELEZA

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

NOTÍCIAS

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon