TEMPO DE NATAL

Eis regressado o tempo das emoções das Festas Natalícias, aquele que abre as asas dos nossos desejos, saudades e memórias. Aliás, nós que vivemos na capital deste pequeno país, basta-nos erguer os olhos para os milhares de luzes que enfeitam as ruas em demasia (em tempo de crise e de pobreza) para voltar a ver a face iluminada do Mundo.

Nestes dias em que se aceleram as compras dos presentes para os familiares e amigos, a agitação invade os corações das crianças, dos jovens e dos idosos, é tempo para meditar no Evangelho segundo S. Lucas (na primeira das três Missas de Natal) que narra o nascimento de Jesus dizendo: “…por não encontrar estalagem, Maria deu à luz o seu Filho numa humilde cabana…” e adiante, “… de imediato os pastores que revezavam entre si as vigílias da noite para guardarem os seus rebanhos, viram o Anjo do Senhor que lhes disse: Não temais porque venho anunciar-vos que hoje nasceu o Salvador”. Subitamente, apareceu com o Anjo uma numerosa multidão da milícia celestial que louvavam o Senhor dizendo: “Glória a Deus nas alturas e Paz na terra aos homens de boa vontade!”

Este grande acontecimento foi há mais de dois milénios. E todos os católicos, quando chega esta quadra, são “sacudidos” pela onda de alegria que se desprende das iluminações feéricas, das grandes Árvores de Natal e pela graciosidade de alguns presépios que graças a Deus, continuam a montar-se nas pequenas vilas por vontade daqueles que não querem que morram as nossas tradições. E abençoados sejam!

Neste Natal de 2017, um ano que tem sido horrivelmente mau, que nos tem feito chorar lágrimas de dor pelas mortes e perdas de bens que vinham de gerações e gerações com os incêndios, ainda mal explicados, com a seca que contribui para o aumento do custo de bens essenciais, enfim um tempo de sobressaltos… é aconselhável ficarmos com o eco dos cânticos de louvor que ainda nos soam dos tempos em que vivemos bem mais felizes. Só deste modo podemos renovar com os meus leitores, alguns de muitos anos em que produziamos os Festejos Natalícios na TV Guia e, mais tarde, em simultâneo com a Moda & Moda em suporte de papel e, agora, neste formato das inovações tecnológicas (online). É, por isso, que aqui renovamos convosco, a Fé e a Esperança na Paz dos homens de boa vontade, de modo a que os milhões de seres humanos que povoam o nosso Planeta vivam todos com a dignidade de Filhos de Deus.

                            A Moda na Ceia do NATAL                    

FESTIVOS

Dia da Mãe

Natal

Páscoa

Dia do Pai

Santo António

ARTE

Exposições

Museus

Colecções

História

Notícias

MODA

Alta Costura

Prêt a Porter

Tendências

Acessórios

Notícias

BELEZA

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

NOTÍCIAS

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon