Alta-Costura I Casacos Compridos Out/Inv 2017/2018

Por mais que nos queiram impingir que entre a Alta-Costura e o Pronto-a-Vestir as diferenças são poucas, ninguém nos convence.

A Alta-Costura tem modelos únicos e o Pronto-a-Vestir não tem limite. Quanto mais se vender, melhor! Mas, a diferença não está só nesse grande pormenor, pois os cortes, os tecidos e os acabamentos respeitam outras gramáticas.

Escolhemos os modelos de Alta-Costura francesa porque em boa verdade é a única que vai resistindo às intempéries dos tempos. A Alta-Costura italiana começa a não merecer a nossa deslocação porque muitas casas têm desaparecido dos calendários e as que vão surgindo são aves de arribação experimentando voos e rapidamente desaparecem. Os tempos da Alta-Costura italiana com a presença de Valentino, Mila Schon, Princesa Galitzine, Clara Centinaro, Lancetti, Rafaella Curiel, e tantas outras personalidades, já não existe. “Pecato”. Não podemos fazer nada!

Resta-nos a Alta-Costura Francesa que acarinhamos como é nossa obrigação já que não pertencemos aos grupos cada vez mais destruidores de sentido estético que alinham num certo e erróneo “estilo politicamente correcto”. Livra! Que cansaço! Este ano, pela primeira vez, Azzaro, a marca criada por Loris Azzaro, um homem lindo de olhos azuis que entrevistámos há mais de trinta anos, em Paris, participou na Alta-Costura. Mas, se formos a perscrutar bem os criadores das marcas Chanel e Dior também os seus fundadores já não existem entre o mundo dos vivos e, não é por isso que perderam importância. Pelo contrário, a Chanel nunca mereceu tanto ser aplaudida como com o empenhamento de Karl Lagerfeld. A Dior ainda não nos convenceu. Maria Grazia Chiuri esforça-se. Oxalá consiga posicionar a Dior no lugar que merece.

Dos modelos que escolhemos, resta-nos dizer algumas palavras sobre Jean Paul Gaultier, aquele que esteve presente em carne e osso provando como o seu talento que resiste a todas as intempéries. Este “enfant” é um génio! Graças a Deus que ainda é novo.

Por recusarmos a “indigestão visual”das televisões, vamos tentar trazer ao nosso espaço dedicado à moda todos os elementos necessários para que as nossas leitoras, algumas de há muitos anos, possam escolher excelentemente os modelos que podem adquirir.

A chave está no mistério da sedução despida de qualquer detalhe provocante. Estamos a tratar de casacos. Para os vestidos, as concessões são muito diversas.

Os casacos recuperam o estilo “verdadeira senhora” onde as divas nem sempre conseguem penetrar.

A usar com botas de cano alto e saltos que deixam as mulheres em bicos de pés e ou com botins e sapatos de salto grosso, os novos cascos são as peças número um, indispensáveis, em qualquer guarda-roupa.

Marionela Gusmão

  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon

FESTIVOS

Dia da Mãe

Natal

Páscoa

Dia do Pai

Santo António

ARTE

Exposições

Museus

Colecções

História

Notícias

MODA

Alta Costura

Prêt a Porter

Tendências

Acessórios

Notícias

BELEZA

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

NOTÍCIAS

Perfumes

Tratamento

Novidades

Looks

Cabelos

  • Instagram ícone social
  • Twitter Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon