Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Dior I Alta Costura Sempre!

Quando todos nos interrogávamos sobre como seria este ano de 2021, sem a Alta-Costura, eis que a imaginação e a criatividade se uniram para presentear as mulheres que não prescindem da criatividade e do requinte.

E, foi assim que Maria Grazia Chiuri meteu os ombros à sua grande criatividade e, de modo insólito, apresentou as suas criações cada uma mais deslumbrante do que outra.

Não houve passarela, mas uma mostra de modelos com uma criatividade que nos atira para um passado distante.

Fabulosa colecção!

A sua criatividade levou-nos a tempos recuados, que nunca vivemos, melhor dizendo,a a uma aula de história de moda com modelos ao vivo usando tecidos espectaculares em harmonia com os modelos apresentados. Bravo!

Conhecemos Maria Grazia Chiuri ainda nos tempos em que trabalhava para Valentino e, posteriormente, quando em parceria com um seu colega criavam e apresentavam a Alta Costura de Valentino.

Sempre na primeira fila, esta escriba apaixonada por moda, aplaudia com entusiasmo os seus modelos. Depois, deixou o Valentino e foi ocupar o cargo que alguns outros que conheci tinham deixado vago, na Christian Dior (1905-1957), uma grande responsabilidade tanto mais que ia criar a colecção a solo, conseguindo ocupar aquele lugar por onde passaram grandes mestres da Alta Costura.

Os tecidos utilizados são uma perfeita maravilha e as linhas austeras remetem-nos para um passado distante.

Aqui, deixamos a nossa selecção, na certeza que todas as mulheres de bom gosto dirão comigo: BRAVO MARIA GRAZIA!.

 

Marionela Gusmão